11.12.19

Depois de não ser indicada ao Golden Globes na última segunda (09), hoje (11) Lupita Nyong’o foi indicada ao SAG Awards, na categoria Best Actress in a Motion Picture, destinada para atrizes de cinema.

Sendo assim Lupita Nyong’o passa a ter chances de uma possível indicação para o Oscar.

Confira as atrizes também indicadas na mesma categoria:

Renee Zellweger
Scarlett Johansson
Charlize Theron
Lupita Nyong’o
Cynthia Erivo

10.12.19

Us, de Jordan Peele, foi eleito o Melhor Filme deste ano pela Associação Afro-Americana de Críticos de Cinema (AAFCA). O filme, que arrecadou mais de 255 milhões de dólares em todo o mundo, recebeu três vitórias totais, incluindo Peele para Melhor Diretor e Lupita Nyong’o para Melhor Atriz.

Jordan Peele continuou a elevar o nível de horror especificamente e filmar em geral“, afirmou Gil Robertson, presidente / co-fundador da AAFCA. “Com ‘Us’, ele mais uma vez inverteu o gênero de terror. Sua centralização em uma família nuclear negra determinada a sobreviver em um enredo complexo em um gênero em que as unidades da família negra historicamente eram invisíveis é extraordinária. Ele continua a ultrapassar limites previamente estabelecidos com histórias ousadas que trazem uma perspectiva refrescante ao cinema em geral e ao gênero especificamente. A receita global bruta de US $ 255 milhões do filme é outro exemplo de que o cinema inclusivo ressoa grande nas bilheterias e também ressoou criticamente com nossos membros que premiaram o filme com as maiores honras ”.

Em outros prêmios, Eddie Murphy recebeu a homenagem de Melhor Ator da organização por Dolemite Is My Name. Os acenos de atores coadjuvantes foram para Jamie Foxx, da Just Mercy, e Da’Vine Joy Randolph, de Dolemite Is My Name.

Dolemite É Meu Nome (Netflix), Just Mercy (Warner Bros. Pictures), Clemency (Neon) e The Irishman (Netflix) completam os cinco melhores filmes da AAFCA de 2019, seguidos por Queen & Slim (Universal Pictures), Waves (A24) ), Parasite (Neon) e Atlantics (Netflix) empataram em oitavo lugar, e The Farewell (A24) e Harriet (Focus Features) completam a lista.

Os onze melhores filmes deste ano refletem um amplo espectro de diversidade e criatividade. Muitos deles combatem a injustiça social e desafiam especificamente o sistema de justiça criminal nos Estados Unidos. Os membros da AAFCA, que votam em lugares tão distantes quanto a Austrália e a Jamaica, lançam uma ampla rede para reconhecer filmes feitos nos EUA e além. Suas escolhas refletem verdadeiramente o melhor do cinema em 2019 ”, disse Robertson.

O AAFCA Awards, patrocinado pela Nissan, Morgan Stanley e Deadline, acontece na quarta-feira, 22 de janeiro de 2020 no Taglyan Complex. O AAFCA Special Achievement Awards, conforme anunciado no início do ano, ocorrerá no sábado, 11 de abril de 2020 no Riviera Country Club, em Pacific Palisades.

Texto Traduzido por: Equipe Lupita Nyong’o Brasil

Texto Original: Deadline

08.12.19

A Award Season começou e hoje (08) foram anunciados os indicados ao Critics’ Choice Awards, um dos prêmios televisionados, portanto um dos mais importantes, que são exibidos antes do mais importante, o Oscar.

Us, filme lançado em março desse ano, dirigido por Jordan Peele e estrelado por Lupita Nyong’o, recebeu quatro indicações ao prêmio:

  • Best Actress – Lupita Nyong’o
  • Best Young Actor/Actress: Shahadi
  • Best Sci-Fi or Horror Movie: Us
  • Best Score: Michael Abels

O prêmio acontece no dia 12 de janeiro de 2020.

07.12.19

A atriz vencedora do Oscar Lupita Nyong’o foi nomeada como Melhor Atriz do ano pelo New York Film Critics Circle por sua atuação em Us. Mas, apesar de sua tão aclamada atuação como matriarca Adelaide Wilson e sua contraparte Red, além do sucesso comercial e crítico do filme, Nyong’o não está muito interessada em revisitar seus personagens.

Não, obrigado. Red está morta “, declarou Nyong’o enfaticamente durante seu turno no prazo final dos candidatos em Nova York.

Embora nenhuma sequência tenha sido anunciada, é compreensível que Nyong’o não queira voltar, pois ela descreve enfrentar os papéis dos duelos como “foi muito, muito, muito desafiador“.

Eu tive que segurar os dois lados da discussão“, disse ela ao público no teatro da DGA. “Eu tinha que ser o ofensor e ofendido. Era sobre entender a paisagem emocional de cada personagem, mas também ter uma disciplina muito estrita para interpretar tanto física quanto mentalmente.

Em sua superfície, o filme de terror de Peele segue uma família que é confrontada por seus doppelgängers sádicos. Mas a mensagem é mais profunda.

Este filme é uma externalização do nosso monstro. É um filme que explora quem nós pensamos como o inimigo. Muitas vezes, estamos muito ansiosos para pintar pessoas do outro lado da fronteira, ou de uma religião diferente, ou um credo ou cultura diferente, como o inimigo. É mais fácil projetar isso. Mas o que acontece quando olhamos para nós mesmos? Quais são os inimigos dentro de nós? Nyong’o postulou.

Para mim, o que eu descobri me relacionou foi com a identificação com aquele monstro interior dentro de mim.

Texto Traduzido por: Equipe Lupita Nyong’o Brasil

Texto Original: Deadline

04.12.19

Após o Gotham Awards e o National Board of Review, a temporada de prêmios 2019-2020 continuou hoje com o primeiro anúncio do grande grupo de críticos, cortesia do New York Film Critics Circle (NYFCC). Fundada em 1935, a NYFCC é composta de críticos de jornais diários e semanais, revistas e publicações online. Os críticos de cinema da IndieWire, Eric Kohn, David Ehrlich e Kate Erbland são membros da NYFCC.

Depois que o Gotham Awards e o National Board of Review concederam seus prêmios de Melhor Filme na “História do Casamento” de Noah Baumbach e “The Irishman“, de Martin Scorsese, respectivamente, todos os olhos estavam na NYFCC para ver como a temporada iria progredir. “Roma”, de Alfonso Cuaron, foi o grande vencedor da NYFCC em 2018, com prêmios de Melhor Filme, Melhor Diretor e Melhor Fotografia. A vencedora de Melhor Atriz Coadjuvante Regina King (“Se a Rua Beale Falasse”) ganhou o Oscar, enquanto o vencedor do Melhor Ator Coadjuvante Richard E. Grant (“Você Pode Me Perdoar?”) Recebeu uma indicação ao Oscar.

A NYFCC é conhecida por homenagear os principais atores do Oscar e também por fazer algumas escolhas não convencionais e amadas, como dar a melhor atriz a Regina Hall por “Support the Girls” no ano passado ou premiar de forma memorável Tiffany Haddish o troféu de melhor atriz coadjuvante por “Girls Trip” em 2017. O vencedor de Melhor Longa-Metragem da NYFCC passa a ser o peso pesado do Oscar, com os vencedores recentes “Roma”, “Lady Bird”, “La La Land” e “Boyhood”, todos recebendo indicações para o Melhor Filme.

Os vencedores adicionais da NYFCC de 2018 que entraram na corrida ao Oscar incluem Paul Schrader de Melhor Roteiro (sua indicação ao Oscar de Melhor Roteiro Original por “Primeira Reformada” no início deste ano marcou o primeiro de sua lendária carreira), “Homem-Aranha: Em o Verso da Aranha ”(que ganhou o prêmio da NYFCC de Melhor Filme de Animação e repetiu a vitória no Oscar), e“ Minding the Gap ”, de Bing Liu.

A lista dos vencedores do Círculo de Críticos de Cinema de Nova York de 2019 será atualizada à medida que forem anunciados.

Melhor Filme: “The Irishman”

Melhor diretor: The Safdie Brothers, ‘Uncut Gems’

Melhor Roteiro: Quentin Tarantino, “Era Uma Vez em Hollywood”

Melhor Atriz: Lupita Nyong’o, “Nós”

Melhor Ator: Antonio Banderas, “Pain and Glory”

Melhor Atriz Coadjuvante: Laura Dern, “História de Casamento” e “Pequenas Mulheres”

Melhor Ator Coadjuvante: Joe Pesci, “The Irishman”

Melhor fotografia: “Retrato de uma dama em chamas”, Claire Mathon

Melhor Filme de Não Ficção: “Honeyland”, Tamara Kotevska e Ljubo Stefanov

Melhor filme em língua estrangeira: “Parasite”, Bong Joon Ho

Melhor Animação: “Perdi o Corpo”, Jérémy Clapin

Melhor Primeiro Filme: “Atlantics”, Mati Diop

Prêmios Especiais: Indie Collect, Randy Newman

Texto Traduzido por: Equipe Lupita Nyong’o Brasil

Texto Original: IndieWire

02.12.19

A diretora de elenco da Marvel, Sarah Finn, é um dos nomes mais importantes do cinema dos últimos tempos, ela é responsável pelas escalações de elenco dos filmes do MCU, desde 2008.

Em entrevista para o The Hollywood Reporter, a responsável por colocar um rosto em todos os Vingadores conversou sobre o processo de escalação de vários personagens, revelando inclusive dois atores que fizeram teste para Guardiões da Galáxia antes de irem parar em Pantera Negra.

Lupita Nyong’o (Nakia) e Chadwick Boseman (Black Panther) fizeram testes para personagens de Guardiões da Galáxia, sendo eles Nebula e Drax, respectivamente, que são interpretados por Karen Gillan e Dave Bautista.



Site status
Nome: Lupita Nyong'o Brasil
URL: https://lupitanyongo.com.br
Websmater: João Victor
Redes Sociais: TWITTER | INSTAGRAM
Online: 02 pessoa(s)

O Lupita Nyong'o Brasil não tem nenhum contato com a atriz ou parentes/assessores de imprensa da atriz Lupita. Somos apenas um fansite com intúito de informar os fãs sobre ela, sem fins lucrativos. Caso alguma informação/conteúdo seja retirado do site, por favor, dar os devidos créditos.
Foto Destaque