24.07.19

Quando o produtor Simon Fuller entrou em contato com Lupita Nyong’o para avaliar seu interesse em narrar seu mais recente projeto – um documentário de vida selvagem dirigido por John Downer – a atriz queniano-mexicana ficou intrigada. Mas uma vez que ela assistiu os dois primeiros episódios, ela foi vendida.

Nyong’o entendeu que esses shows podem ser mundanos e repetitivos, contando as mesmas histórias de como os animais vivem na natureza. “Serengeti” se destacou por sua atenção a animais específicos e suas vidas cotidianas, o que inclui lutar dentro de seus clãs, procurando por amor e tentando sobreviver quando pessoas de fora estão prontas para atacar.

O documentário, que foi filmado em uma reserva de caça na Tanzânia durante dois anos, parece mais um programa de TV dramatizado do que um documentário, mas o drama é parte de seu apelo. Ele segue vários animais no parque, incluindo Kali, uma leoa que foi exilada de seu orgulho e está lutando para criar seus filhotes sozinhos; Bakari, um babuíno que está tentando descobrir como reconquistar o carinho de um babuíno feminino depois que outro macho chama sua atenção; e Zalika, uma hiena que se torna rainha de seu clã mais cedo do que ela esperava. O ator britânico John Boyega narra a versão britânica do programa, que estreou na BBC One no início deste mês.

Ao longo de seis episódios, os espectadores conhecem os animais “mais a partir de sua própria perspectiva”, como descrito por Nyong’o, e investem em suas jornadas e experiências, muito na maneira como as pessoas se apegam a personagens humanos em outros shows. e filmes.

Antes da estréia americana do programa no Discovery Channel no mês que vem, Nyong’o conversou com o Times sobre o motivo pelo qual ela concordou em narrar o programa, seus destinos favoritos e compartilhar suas melhores dicas sobre cuidados com a pele.

Que tal “Serengeti” apelou para você?
Depois de ver os dois primeiros episódios, adorei de onde Simon estava vindo e fiquei realmente impressionada com isso. Eu estava aprendendo sobre animais específicos. Há um relacionamento pessoal com animais específicos e você ouve sobre a dinâmica de sua espécie e clã. Você forma esse relacionamento pessoal com eles. Eu também assisti muitos desses documentários, mas eu nunca os ouvi narrados por um africano e raramente uma mulher. Ser as duas coisas e ser a pessoa que conta a história é emocionante.

O que há de diferente nesse documentário sobre vida selvagem, comparado a outros?
O que há de novo neste documentário é que passamos muito tempo com personagens muito particulares – os animais – e isso nos oferece a chance de ver as coisas do ponto de vista deles e acho que é por isso que se torna nossa história. Quando digo que esta é “nossa história”, ela ressoa profundamente comigo porque é algo que significa muito para mim. Esta é uma história inclusiva.

O que você diria para alguém que está curioso sobre o documentário, mas não é o mais interessado em animais ou não está familiarizado com o Serengeti?
Para cada um deles, eu acho, mas acho que é importante reconhecer que a natureza não precisa de nós, nós precisamos da natureza.

Quais são alguns dos seus destinos favoritos?
Eu amo o México e amo Nova Orleans, e realmente amo meu país. Eu acho que a África Oriental é simplesmente incrível. Eu tenho viajado em safári a vida toda e toda vez que é nanico, humilhante e incrivelmente fascinante. Nunca envelhece e nunca é o mesmo. O tempo é suspenso quando você está em um safári porque precisa acordar bem cedo e seu trabalho é assistir, observar e ouvir.

Qual é a única coisa que você não pode viajar sem?
Esta é uma pergunta difícil. Colírio.

Você tem alguma dica de cuidados com a pele?
Protetor solar é o nome do jogo, mas também acho muito importante encontrar produtos que não sejam venenosos para o mundo em que vivemos. Eu carrego pomada de calêndula, que é um bom agente de cura para queimaduras, arranhões e cicatrizes. Eu tive uma queimadura terrível e o óleo me curou em apenas uma noite. Eu juro por isso. Eu acho que essa é realmente a única coisa que eu não viajaria sem.

Há alguma coisa em particular que você gosta de fazer quando viaja?
Eu realmente amo viajar pela natureza. Eu prefiro visitar lugares naturais como o Grand Canyon ou um lago. Eu gosto de observação e uma boa caminhada. Eu visitei o Grand Canyon e isso foi incrível. Esse é outro lugar que vai te ofuscar. Surpreendente. Isso lembra você como somos pequenos.

Qual é o seu meio de transporte preferido?
Eu realmente gosto de trens porque você consegue ver o campo e eu gosto do tipo de chug, chug, chug – os sons que eles fazem. Eu gosto que você consiga ver o mundo passar por você e ver um monte de terra. Parece estranho.

Você tem alguma viagem emocionante chegando?
Infelizmente não, mas eu realmente quero visitar o Brasil. Eu ainda não fui.

Texto Traduzido por: Equipe Lupita Nyong’o Brasil

Texto Original: NY Times

24.07.19

O site de entretenimento IndieWire lançou nessa semana uma lista das 50 melhores performances do cinema nessa década.

Lupita Nyong’o está em oitavo lugar com Patsey, sua personagem em 12 Years a Slave, papel que lhe rendeu vários prêmios na Award Season de 2014, entre eles o Oscar de Melhor Atriz Coadjuvante.

21.07.19

Ontem (20) aconteceu o painel da Marvel Studios com Kevin Feige, no Hall H da San Diego Comic Con.

E como esperado foram anunciados todos os filmes que serão lançados nos próximos anos.

Entre eles os filmes da fase 04 do MCU, que tiveram elenco e logo anunciados.

E outros que farão parte da Fase 05 como por exemplo Pantera Negra 2 e Capitã Marvel 2.

20.07.19

Hoje (19) a cantora Beyoncé lançou seu novo álbum chamado The Lion King: The Gift, e em uma das faixas Lupita Nyong’o é citada.

A música se chama Brown Skin Girl, onde a cantora cita várias mulheres negras que são referências atualmente.

Confira o trecho: “Pose como um troféu quando Naomi entrar, ela precisa de um Oscar para essa pele bem escura, muito parecido com a Lupita quando as câmeras focam. A pequena gota quebrou o dique com a Kelly Rowland.

Mais cedo Lupita comemorou e agradeceu Beyoncé pela homanagem, em suas redes sociais.

16.07.19

Us, filme estrelado por Lupita Nyong’o e dirigido por Jordan Peele, foi indicado ao Saturn Awards nas seguintes categorias:

  • Melhor Filme de Terror
  • Melhor Atriz em Filme (Lupita Nyong’o)
  • Melhor Performance de ator mais jovem (Evan Alex e Shahadi)
  • Melhor Direção
  • Melhor Roteiro
  • Melhor Design de Produção
  • Melhor Edição de filme
08.07.19

As gravações de 355 começaram hoje, 08 de julho, o filme é protagonizado por Lupita Nyong’o, Penélope Cruz, Jessica Chastain, Fan Bingbing e Diane Krueger, além de ser produzido por Jessica Chastain.

Recentemente foram adicionados ao elenco os atores Sebastian Stan e Edgar Ramirez, além de ser liberado também o nome do diretor, Simon Kinberg.

O longa está sendo gravado em Paris atualmente e provavelmente estará finalizado em outubro.



Site status
Nome: Lupita Nyong'o Brasil
URL: https://lupitanyongo.com.br
Websmater: João Victor
Redes Sociais: TWITTER | INSTAGRAM
Online: 02 pessoa(s)

O Lupita Nyong'o Brasil não tem nenhum contato com a atriz ou parentes/assessores de imprensa da atriz Lupita. Somos apenas um fansite com intúito de informar os fãs sobre ela, sem fins lucrativos. Caso alguma informação/conteúdo seja retirado do site, por favor, dar os devidos créditos.
Foto Destaque